Há 2 meses que estou com insônia. Sinto muito sono por volta de 22:00 e a partir das 2:00 a.m. acordo e não durmo mais, sinto insônia. Meu cérebro fica pensando, a mente trabalha o tempo todo e eu não consigo descansar. Com isso meu corpo fica cansado.

Sobre: Distúrbios do Início e da Manutenção do Sono

Há 2 meses que estou com insônia. Sinto muito sono por volta de 22:00 e a partir das 2:00 a.m. acordo e não durmo mais, sinto insônia. Meu cérebro fica pensando, a mente trabalha o tempo todo e eu não consigo descansar. Com isso meu corpo fica cansado. - 05/02/2015

A insônia é um problema frequente que, em algum momento da vida, pode ocorrer em até 30% das pessoas. De 1 a 6% das pessoas têm insônia prolongada, com vários anos de duração, com mais de 3 episódios por semana. Em primeiro lugar, deve-se pesquisar a causa da insônia: ela frequentemente está associada a doenças físicas ou problemas psiquiátricos como depressão ou ansiedade. Assim, se houver doenças associadas, elas precisam ser tratadas e, muitas vezes, já isto melhora ou resolve o problema de insônia. Além do tratamento dos problemas associados, há possibilidade de se tratar a insônia com medicações (hipnóticos), com a melatonina (o hormônio natural do sono) ou técnicas de higiene do sono. As medicações hipnóticas são muito eficientes num primeiro momento mas, com o tempo de uso, podem diminuir a eficiência e a pessoa passa a sentir necessidade de aumentar a dose, progressivamente. Além disto, elas estão associadas a problemas de coordenação motora, quedas e problemas de memória. Assim, não devem ser usadas por períodos de mais de algumas semanas. A melatonina, aparentemente, não tem efeitos colaterais, mas não funciona em todas as pessoas. A higiene do sono é um conjunto de técnicas que melhora a insônia sem necessidade de uso de remédios e que funciona muito bem, contanto que a pessoa a siga rigorosamente. O sono costuma melhorar em algumas semanas e, frequentemente, se normaliza em alguns meses: 1 - Jamais ficar esperando o sono chegar na cama; seja no início da noite ou quando acordar durante a noite, a pessoa deve ficar num sofá ou poltrona, confortavelmente lendo um livro, assistindo à TV, ouvindo música ou folheando uma revista até o sono chegar. Até sentir muito sono. Não vale sentir aquela sonolência que, quando você chega na cama, acorda de novo. Tem de ser aquele sono que você não aguenta ficar de olhos abertos. Se você acordar no meio da noite e não adormecer em 15-20 minutos, faça isto. 2 - Se você fuma, tratar o tabagismo, pois a nicotina é um estimulante e propicia a insônia (mesmo que você seja daqueles(as) que precisam fumar um cigarrinho para dormir, lembre-se de que aquele cigarrinho pode relaxar e ajudar, porém seu cérebro, a longo prazo, vai ter mais dificuldade para dormir, devido ao estímulo constante da nicotina). 3 - Beba o menos café possível e evite tomar café à tarde, pois a cafeína também é um estimulante. Isto vale também para o chá preto, o chá mate e o guaraná em pó. 4 - Se não tiver nenhum impedimento médico, faça exercícios físicos regulares, na forma de caminhadas, natação, bicicleta ou hidroginástica. Há necessidade de se fazer os exercícios várias vezes por semana e os exercícios devem ser suficientemente prolongados e contínuos (isto é, não adianta andar um quarteirão e parar para conversar ou andar pela rua olhando as vitrines...). Não faça exercícios muito perto do horário de dormir, pois isto pode deixar você ainda mais acordado(a). 5 - Evite todo tipo de drogas, incluindo o álcool, que parece melhorar o sono, porém o cérebro sob o efeito do álcool tem um sono de qualidade pior. De modo geral, a insônia pode ser diagnosticada apenas através da conversa com um especialista, porém, às vezes, ele poderá pedir alguns exames, incluindo a polissonografia, um exame que, durante o sono, mede a oxigenação do sangue, a contração de sua musculatura, seus movimentos, suas ondas cerebrais, sua respiração, seu eletrocardiograma e os movimentos de seus olhos.

- 08/03/2015
Obrigado
391
1 especialista concordou
Ivan Mario Braun
Psicoterapia
Psiquiatria
280
18
686

Bom dia. Seria importante você descobrir causa(s) da insônia: ansiedade, estresse, alterações hormonais, falta de exercício físico, excesso de ingesta de cafeína e outros estimulantes, tabagismo, excesso de ingesta de álcool, entre outros. Procure ler sobre higiene do sono, vai te ajudar bastante. Evite usar eletrônicos à noite. Tente fazer atividade física pela manhã, procure outras atividades relaxantes e de lazer, tente não pensar no trabalho o tempo todo. Abraço forte e boa sorte.

- 18/07/2017
Obrigado
2
0 especialistas concordaram
Marcelo Marui Biondo
Psiquiatria
Psiquiatria da Infância e Adolescência
485
17
44

Tem alguma dúvida sobre Distúrbios do Início e da Manutenção do Sono?

Pergunte diretamente a um especialista

Ver mais perguntas
Atenção: as informações contidas nesta página não visam substituir as orientações do seu médico. Sua pergunta será encaminhada aos especialistas do catalogo.med.br, não sendo obrigatoriamente respondida pelos profissionais listados acima.
Login Centralx
Localização