Perguntas sobre Cirurgia Pediátrica

Meu filho tem 3 anos e fimose, já usei Postec e ainda não resolveu. O que fazer? - 27/04/2022

Nem sempre fimose é sinônimo de doença ok? Em primeiro lugar, a grande maioria dos meninos nasce com fimose (mais de 97%), ela é normal no bebê. Em crianças pequenas, especialmente aquelas que usam fralda, a pele que recobre o pênis tem função protetora. O que isso quer dizer? A cabecinha do pênis, chamada glande, é muito sensível, muitas vezes o contato com o cocô e xixi da fralda causa lesões na glande e é por isso que a maioria dos bebês vai ter essa fimose "do bem". Esse tipo de fimose costuma se resolver sozinho com o tempo e nem pomadinha precisa. É claro que existem os casos com indicação absoluta de cirurgia, mas são a minoria. É muito importante que você leve seu filho a um profissional de confiança. A um cirurgião especialista em criança ok? Assim você vai conseguir tirar suas dúvidas direitinho.

- 30/05/2022
Obrigado
6
0 especialistas concordaram
Catharina Somerlate Franco Tomich
Cirurgia Pediátrica
4
0
6
A minha neta está com cabelos acumulados no estômago. É caso de cirurgia? E quem devo procurar? - 25/03/2022

Dependendo do tamanho (isso se chama tricobezoar), pode sair por endoscopia, mas se for grande, somente com cirurgia. Procure um cirurgião pediatra da sua cidade, ele saberá te orientar. Necessita tb ser acompanhada por um psiquiatra infantil.

- 28/03/2022
Obrigado
0
0 especialistas concordaram
Alessandra Abril Nogueira
Cirurgia Pediátrica
6
0
0
A minha está neta está com cabelos acumulados no estômago. É caso de cirurgia? E a quem devo procurar? - 25/03/2022

O primeiro passo é procurar um pediatra para avaliação. Em alguns casos, não é preciso fazer nada, outros podem ser resolvidos apenas com endoscopia. Porém, em casos mais graves a cirurgia pode ser necessária. Muitas vezes essas crianças precisam de um tratamento multidisciplinar - precisamos não apenas tratar o problema em si, mas cuidar para que não ocorra novamente. É comum que as crianças repitam o hábito de engolir os cabelos e necessitem ser abordadas mais de um vez. Por isso, é preciso ficar muito atenta para tratar o problema em si e evitar a que se repita!

- 30/05/2022
Obrigado
0
0 especialistas concordaram
Catharina Somerlate Franco Tomich
Cirurgia Pediátrica
4
0
6
Meu filho tem 1 ano e 3 meses e descobrimos essa semana através de uma ultra que os testículos dele às vezes sobem às vezes descem, está com 2 hérnias, uma em cada lado, e tem excesso de pelo no pênis. Ele já está fazendo os exames pré-operatórios. - 24/03/2022

Os testículos podem fazer esse movimento de subir e descer da bolsa e isso é natural. É importante que o cirurgião pediátrico avalie a criança no consultório para determinar se esses testículos chegam à bolsa e ali permanecem! Só depois dessa avaliação conseguimos dizer se seu filho vai precisar da cirurgia para fixar o testículo, ok? Agora, hérnia inguinal (na virilha) em crianças sempre precisam ser operadas. Diagnosticou = cirurgia! Já sobre a fimose (excesso de pele) - muitas vezes não tem indicação de cirurgia (especialmente nesta idade). A pele serve como proteção para o pênis em crianças pequenas, que usam fraldas (o xixi e o cocô podem causar lesões na false. A cabecinha do pênis!). Procure um cirurgião pediátrico na sua região para que seja orientada caso a caso. Lembre, para cirurgias em crianças, procure sempre um especialista (cirurgião pediátrico).

- 30/05/2022
Obrigado
0
0 especialistas concordaram
Catharina Somerlate Franco Tomich
Cirurgia Pediátrica
4
0
6
Meu bebe vai fazer 2 meses daqui há 5 dias e está com uma hérnia inguinal. O que devo fazer?! Essa cirurgia tem algum risco? - 21/03/2022

Toda hérnia inguinal na criança precisa de cirurgia. A cirurgia deve ser realizada assim que possível. A hérnia inguinal é uma comunicação da barriga com a região do saquinho do bebê. Por essa comunicação pode passar um pedaço do intestino. Se o intestino fica preso no orifício da hérnia podem surgir complicações para o bebê. Essas complicações incluem encarceramento (quando está apenas preso e não consegue retornar a cavidade) ou estrangulamento (quando falta sangue para o intestino, mais grave). Não é porque seu filho tem hérnia que ele terá alguma dessas complicações (a maioria não tem). Porém, sempre operamos a criança o mais rápido possível, para evitar que uma delas ocorra, ok? Fique atenta aos sinais de complicação: - presença abaulamento na virilha, endurecido, avermelhado e quente, que você não consegue colocar pra dentro da barriga novamente - bebê muito irritado, chorando muito - barriga inchada - vômitos e parada de evacuações Na presença desses sintomas procure um pronto-socorro imediatamente para ter certeza de que está tudo bem.

- 30/05/2022
Obrigado
0
0 especialistas concordaram
Catharina Somerlate Franco Tomich
Cirurgia Pediátrica
4
0
6
1 - 2 - 3 - 4 - 5 - Última

Tem alguma dúvida sobre Cirurgia Pediátrica?

Pergunte diretamente a um especialista

Atenção: as informações contidas nesta página não visam substituir as orientações do seu médico. Sua pergunta será encaminhada aos especialistas do catalogo.med.br, não sendo obrigatoriamente respondida pelos profissionais listados acima.
Login Centralx
Localização